Concurso do "Operário Mauaense" Concurso do "Operário Mauaense" | Mauá Memória, história e Cultura



OPERÁRIO BANDEIRANTE 
António Casagrande e Cecilia Sanches foram as dois operários de Mauá, que projetaram a cidade na promoção que alcança repercussão em todo o Estado, destinada a promoves maior integração entre os trabalhadores industriais, desenvolvendo o seu espirito de fraternidade, incentivando também a cultura. 

Anualmente,  são escolhidos entre as inúmeras empresas do Estado de São Paulo, "Operário Bandeirante", sendo que desta vez o Município de Mauá se destaca com a classificação de dois dos seus operários: António Casagrande, da Alpont Produtos Siderúrgicos S.A., que obteve o 1.o lugar, e ainda a operária Cecília Sanches da Philips do Brasil S. A., conseguindo o 7.0 lugar na classificação geral dois operárias de Mauá foram escolhidos como representantes da cidade, tendo passado por vários testes de conhecimentos gerais, Incluindo-se noção de legislação trabalhista. Um júri composto do prefeito Américo Perrella; Pedro Briante.- presidente do Sindicato dos Ceramistas, e integrantes do Lions Clube de Mauá, entidade que organizou o primeiro Concurso do "Operário Mauaense". do qual participaram mais de 20 indústrias da cidade, elegeu os dois trabalhadores.

A tribuna, domingo, 1 de agosto de 1971

Postar um comentário

Seja bem vindo e deixe sua mensagem